Em autor parceiro editora bestiário everton gullar lobo vermelho parceria trilogia capital

Resenha: Lobo Vermelho - Everton Gullar

Livro: Lobo Vermelho
Autor: Everton Gullar
Editora: Bestiário
Páginas: 154
Nota:⭐⭐⭐⭐
Livro digital - Autor parceiro

Sinopse

Depois do trabalho, sem dormir, Térbio só precisa parar na padaria da Velha. Pedir algo para comer, beber café e seguir até o terminal. Ir para casa, enfim. Já está amanhecendo. É dura a vida de vigia. Muitas noites em claro, fumando e caminhando, esperando o tempo se jogar pela janela. Não, ele não pode afirmar que odeia sua vida, mas está longe de ser instigadora. Sem emoção, sem exemplos, muito entediante. Contudo, Térbio não poderia prever que sua vida mudaria completamente, no caminho, até o terminal, se depara com um corpo dentro da imensa lixeira. Com cautela, vence o medo, se aproxima do corpo e percebe, é uma mulher, está ferida e que a pele suja de sangue e lama ainda mexe, no peito, movida por respiração. O corpo ainda tem vida! Ele está no meio da cidade, amanhecendo, com um corpo semimorto, com sono e exausto. O dia já não será mais o mesmo...

Minha opinião

Em Lobo Vermelho somos apresentados a Térbio, que tem sua vida mudada quando voltando para casa encontra o corpo de uma mulher jogado em uma lixeira, lutando contra todos os instintos ele resolve ajudar a moça, e nisso, sua vida muda em proporções que ele nem pode imaginar.

Após ajudar a mulher a se recuperar, Térbio acaba descobrindo um grande esquema de corrupção na política, e que ao livrar Telma da morte pode também está correndo perigo, já que agora ele é visto como um herói e seu rosto apareceu em vários canais de TV.

O rapaz tem um grande senso de justiça e para garantir a segurança de Telma, resolve ir atrás do político que encomendou a morte da moça, o que o leva a esbarrar na organização intitulada Assassinos de Anúbis, que não hesita em recrutá-lo, mas antes Térbio precisa resolver algumas questões de seu passado, iniciando assim a sua busca por redenção.

Everton nos apresenta a uma realidade que não é muito diferente da que vivemos hoje, cheia de corrupção e criminalidade, e nos mostra isso de forma crua, sem medir palavras para criticar a bagunça que está o cenário político atual. O livro de fato é um choque de realidade necessário a todo nós, além de uma leitura prazerosa, é também um meio de nos conscientizar para o que está acontecendo a nossa volta. Leitura mais do que recomendada.

“Lobo Vermelho” é um prelúdio do segundo volume da trilogia Capital, se passa no mesmo universo, paralelamente.

Você pode adquirir aqui.

Por Priscila Biancardi

Posts Relacionados

8 comentários:

  1. Eu gostei muito da premissa desse livro, pois é um estilo que curto bastante. Adoro essa mescla de ficção com realidade e esse choque de reflexões que dá na gente durante a leitura. Vou levar essa dica! bjs

    ResponderExcluir
  2. A sinopse desse livro me pegou de jeito. Enquanto eu lia, só conseguia pensar na vereadora Marielle Franco, assassinada por culpa de pessoas que comandam o governo. Quero ler esse livro, fazer uma resenha e conversar sobre ele ❤ A resenha ficou ótima! Quero muito conhecer a trilogia inteira ❤❤❤

    ResponderExcluir
  3. Gosto demais desses livros que possuem temas polêmicos, pois o enredo fica impactante e me choca no decorrer da leitura, portanto essa obra me deixou muito curioso e desejo realizar essa leitura em breve.

    ResponderExcluir
  4. A sinopse já me chamou a atenção logo de cara. Fiquei mais interessada ainda depois de ler quefm faz parte do universo dos Assassinos de Anúbis (que eu li a resenha aqui uns dia atrás e gostei bastante). Anotei na minha lista de leituras futuras

    ResponderExcluir
  5. Uma sinopse que tem muito a ver com os crimes de cunho político que vemos em nossos noticiários. Um livro cuja leitura se faz necessária e mostra um paralelo com a corrupção real que assola nosso país.

    ResponderExcluir
  6. Oie, eu não conheço o autor e até dei um google para ler alguma coisa dele... conhecer o estilo de escrita porque sou curiosa com trechos. Não encontrei, mas vi que ele publica capítulos no wattpad. Depois passarei por lá para conhecê-lo, embora não esteja numa fase de ler sobre universos paralelos tão próximos do que somos-vivemos. Saudades daquele tempo em que o paralelo era o oposto de nós. Nossa, viajei aqui ao me lembrar de utopias e distopias que desconstruíam nossas realidades para pior ou melhor.

    bacio com viagem e tudo. rs

    ResponderExcluir
  7. Caramba ... parece muito interessante e infelizmente realista para nossa realidade. A tal corrupção que habita até em nossas críticas domina tudo a passos largos, distorcendo e enganado, quase um camaleão tomando a cor necessária para se misturar. Dica anotada.

    ResponderExcluir
  8. Uma leitura para me tirar da zona de conforto e eu gosto muito disso! Nossa, de fato com a situação da personagem, o dia não mais seria o mesmo! Sua vida não seria mais a mesma! Parabéns pela resenha, Priscila! Adorei a indicação!

    ResponderExcluir