Em editora record em águas sombrias leitura coletiva leitura coletiva dark paula hawkins suspense thriller

Resenha: Em águas sombrias - Paula Hawkins

Livro: Em águas sombrias
Autora: Paula Hawkins
Editora: Record
Páginas: 364
Nota:⭐⭐⭐⭐
Livro do mês de Abril do projeto #LeituraColetivaDark

Sinopse

Cuidado com superfícies muito calmas, nunca se sabe o que pode haver embaixo delas. Da mesma autora do best-seller internacional A garota no trem. Nos dias que antecederam sua morte, Nel ligou para a irmã. Jules não atendeu o telefone e simplesmente ignorou seu apelo por ajuda. Agora Nel está morta. Dizem que ela se suicidou. E Jules foi obrigada a voltar ao único lugar do qual achou que havia escapado para sempre para cuidar da filha adolescente que a irmã deixou para trás. Mas Jules está com medo. Com um medo visceral. De seu passado há muito enterrado, da velha Casa do Moinho, de saber que Nel jamais teria se jogado para a morte. E, acima de tudo, ela está com medo do rio, e do trecho que todos chamam de Poço dos Afogamentos... Com a mesma escrita frenética e a mesma noção precisa dos instintos humanos que cativaram milhões de leitores ao redor do mundo em seu explosivo livro de estreia, A garota no trem, Paula Hawkins nos presenteia com uma leitura vigorosa e que supera quaisquer expectativas, partindo das histórias que contamos sobre nosso passado e do poder que elas têm de destruir a vida que levamos no presente.

Minha opinião

O "Poço dos afogamentos" no rio da cidade de Beckford esconde muitos mistérios. De tempos em tempos alguém morre lá. As vítimas? Sempre mulheres. A dúvida que sempre paira: Homicídio ou Suicídio?

Quando duas mortes acontecem em um espaço de tempo tão pequeno envolvendo duas conhecidas, as pessoas estranham e acham ter alguma ligação entre elas. A investigação dessas mortes trará vários segredos à tona em busca da verdadeira causa da morte de cada uma das vítimas.

Esse tem sido um ano de primeiro contato com vários autores. Dessa vez conferi o trabalho da Paula Hawkins, que ganhou sua fama através do livro A garota no trem que acabou virando filme. E devo dizer que foi uma grata surpresa!


De início o livro pode parecer um pouco confuso porque cada capítulo tem o nome de um personagem e como ainda não estamos familiarizados com eles pode acabar sendo um início lento e difícil.

Mas depois que já estamos a par dos acontecimentos e de todos os envolvidos, seja como suspeito, testemunha, conhecido ou investigador, a leitura flui muito bem. A sacada da autora de colocar vários acontecimentos pela visão de cada um envolvimento em determinado acontecimento funciona muito bem, além de instigar nossa curiosidade adicionando mais pistas e atiçando o investigador dentro de nós.

E o final? Só dá para descobrir no final mesmo. A autora conseguiu sustentar o mistério até o fim. A gente vai vendo a construção desse final no decorrer dos últimos capítulos mas a verdade só vem na última frase do livro.

Para os fãs de suspense como eu, esse é um ótimo thriller! Certamente verificarei outros trabalhos da autora. E vocês? Já leram algum livro da Paula Hawkins? Conta para mim aí nos comentários!

Por Amanda Rocha

Posts Relacionados

11 comentários:

  1. Resenha maravilhosa, estava com muita vontade de ler essa obra e agora que li sua opinião sobre ela, minha curiosidade ficou mais aguçada ainda. Espero poder estar realizando essa leitura em breve e descobrir o mistério do rio da cidade de Beckford. E desejo ler "A garota no trem" também, dessa escritora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Fico feliz em ler isso! De fato a autora sabe trabalhar muito bem com o suspense. Em breve terá resenha de "A garota no trem" no blog também!
      Abraços!

      Excluir
  2. Amanda, seu blog está lindo!!!
    Eu amo o gênero!!!! Thriller é vida!!
    Gosto muito dessa autora, já li os dois livros e não decepcionou, pelo contrário.
    Muito bom relembrar essa leitura e sua resenha ficou perfeita!!!

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fê!
      Ah, muito obrigada!!!
      Eu sou grande fã do gênero também e a autora soube sustentar bem o mistério até o fim, do jeito que gosto! Já quero conferir outros títulos dela.
      Beijos!

      Excluir
  3. Uau, amiga! Tenho muita vontade de ler os livro dela. As histórias parecem bem envolventes!Thrillers bem escritos nos chamam à leitura, e os de Paula Hawkins parecem ser assim!
    Beijos carinhosos com muitos elogios à resenha!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, amiga, muito obrigada!
      A autora de fato escreve muito bem, o final é surpreendente e o livro nos prende demais! Certamente gostará!
      Beijos!

      Excluir
  4. Eu gostei muito desse livro, da mesma forma fique gostei do primeiro livro da autora. A escrita da Paula é bem fluida e acho que foge um pouco do lugar comum dos livros de suspense e investigação policial. Mas, ao contrário da maioria das pessoas com quem eu conversei, eu gostei mais de A Garota no Trem do que desse. Não que Em Águas Sombrias seja ruim, longe disso, eu só achei a história do primeiro mais bem amarrada e mais surpreendente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana!
      Estou ansiosa para ler "A garota no trem" justamente para fazer essa comparação. Vejo muitas opiniões do livro e nem todo mundo gostou. Quero saber como será para mim.
      Beijos e obrigada pela visita!

      Excluir
  5. Gosto muito de tramas de suspense e sua resenha despertou minha curiosidade em relação à escrita da autora, que parece ter um estilo empolgante. A premissa de suicídos que não eram exatamente suicídios mas sim assassinatos, me remeteu à primeira temporada da série La Treve, por sinal excelente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patricia!
      Muito obrigada pelo seu comentário!
      Que bom saber que fez a ligação à série. É uma série que tenho muita vontade de assistir. Sabendo que é excelente já posso iniciar sem medo.
      Beijos e obrigada pela visita!

      Excluir
  6. Eu gostei do livro, mas confesso que a autora, às vezes, se prolonga demais e deixa o texto um pouco prolixo. Mas isso não desmerece o conteúdo. Eu gostei da edição, mas não muito da tradução e os pontos de vistas tão diferentes o tempo todo. Mas é um bom livro, daqueles que não dá para ficar contando os detalhes, porque o livro é um grande spoilers.


    bacio

    ResponderExcluir