Pesadelo Literário 2018: Crianças Assassinas


Esse mês além de um especial com os nossos parceiros, também estamos com o Projeto Pesadelo Literário e hoje resolvemos trazer um tema bem polêmico pra vocês: Crianças Assassinas.

Toda criança quando tem tendências homicidas acaba dando alguns sinais, então se você tem convivência com alguma, é bom ficar atento a esse post.

Fique preocupado se alguma criança próxima a você gosta de torturar animais ou colocar fogo nas coisas e também se não demonstra muito empatia.

Agora selecionamos para vocês 3 crianças que cometeram crueldades impensáveis.

[Aviso! O post tem descrições de atos violentos e podem causar incômodo em pessoas mais sensíveis]

Imagem relacionada
Eric Smith
Como é possível reparar na foto, ele era ruivo, usava óculos, tinha orelhas grandes e sofria muito bullying por isso.

Aos 13 anos Eric espancou um garotinho de 4 anos chamado Derrick Robie, Eric estrangulou e golpeou várias vezes a cabeça do garotinho com uma pedra grande, além de ter abusado dele com um pequeno bastão. Eric não soube dizer porque fez tal crueldade, mas os médicos atribuem isso a um transtorno explosivo.

Smith foi condenado e preso.


Resultado de imagem para mary bell
Mary Bell

Com apenas 11 anos, Mary Bell já tinha muita maldade acumulada... Brian Howe de 3 anos foi encontrado morto e coberto com mato, com sintomas de asfixia, seu cabelo foi cortado e parte da pele dos seus órgãos genitais foi retirada. Além disso, um “M” tinha sido marcado em seu estomago. Quando as investigações foram iniciadas, Mary Bell confessou o crime.

Mary foi presa após o seu julgamento e foi solta após 23 anos.


Resultado de imagem para graham young

Graham Young

Aos 14 anos, Graham era fascinado por química, principalmente por venenos e tinha como ídolos pessoas como Adolf Hitler.

Graham começou suas experiências com venenos com sua família e amigos, a primeira vitima foi o pai, seguido pela madrasta e irmã de Graham e mais tarde a mãe da madrasta do garoto.

Young foi preso quando seu professor desconfiou de suas atividades e resolveu investigar, assim achando veneno em sua carteira e também desenhos de pessoas morrendo. Graham foi levado à uma clinica de segurança máxima, onde envenenou médicos e outros pacientes.

Graham foi solto aos 23 anos, mas continuou envenenando pessoas, o que o fez ser preso de novo, acabou morrendo na prisão mesmo.


Assustador, né? Sempre estamos acostumados a pensar que crianças não possuem maldade mas ficou bem claro no post de hoje que é necessário uma educação com muita atenção e cuidado.

Por Priscila Biancardi

Talvez você também goste

1 comentários

  1. Quem desconfiaria desses "anjinhos", não é mesmo?
    O que deixa tudo isso mais pesado é que essas histórias são reais e os Serial Killers são CRIANÇAS!!
    Acho que nem vou dormir hoje...

    ResponderExcluir